Post Page Advertisement [Top]

A Comissão de Frente da Tom Maior é mais um departamento que está em franco desenvolvimento do projeto Carnaval 2019. Os integrantes já estão em constantes e positivos ensaios já mais de 2 meses com trabalhos que podem durar até 6 horas. Em outubro, o departamento já teve uma audição para selecionar potenciais participantes e desde então a rotina de ensaios e produção iniciou.

Parte do grupo da comissão de frente da Tom Maior. Foto: divulgação
"Em Dezembro aumentaremos a carga para 3 ensaios na semana. Já em Janeiro de 2019, com a disponibilidade do Anhembi, certamente os ensaios aumentarão para 5 ou 6 dias", comentou o coreógrafo Robson Bernardino que coordena os trabalhos da Comissão de Frente que nesse momento ensaia de 1 a 2 dias na semana, em média entre 3 a 6 horas de duração.

Bernardino conta com 20 integrantes para os trabalhos no departamento, nos ensaios e no, futuro, desfile. "Todo projeto se torna um trabalho especial, criado e desenvolvido com muito carinho e atenção. Referente aos 2 anos anteriores, o elenco terá apenas 15 integrantes", falou o coordenador.

Comissão de Frente da Tom Maior durante o desfile no Carnaval 2018. Foto: Divulgação / Liga SP

A cada novo ensaio a expectativa aumenta entre os participantes e a curiosidade do público também. "Aguardem para ver os nossos figurinos e a quantidade de personagens, são maravilhosos! Nosso carnavalesco André Marins acertou em cheio nas cores, modelos e etc. Esse projeto é um desafio muito forte e através dele me fez criar coreografias abstratas e usar corretamente a simetria das cores dos figurinos", garantiu Robson.

A comissão de frente é um quesito apresentado pelas escolas de samba, onde se apresentam dando boas vindas ao público bem como aos jurados, é formada por dez a quinze pessoas, que demonstram o enredo da escola. As comissões de frente mais antigas apresentavam os integrantes da direção da escola carregando bastões, como se estivessem armados para proteger a escola.

Parte do grupo da comissão de frente da Tom Maior. Foto: Divulgação


TOM MAIOR EM 2019

Em 2019, a escola de samba Tom Maior vai defender o enredo: “Penso. Logo existo. As interrogações do nosso imaginário na busco do inimaginável”, desenvolvido pelo carnavalesco André Marins, que assina pela primeira vez um enredo autoral.

logo.2.6.2019


"Eu tinha essa vontade de brincar com o imaginário do público. Quero que eles entendam os ‘porquês’ das coisas”, conta o carnavalesco André Marins.



O enredo navega pelos principais questionamentos do homem, como “De onde viemos?”, “Para onde vamos?” e “Quem é Deus?”. Além disso, aborda a curiosidade e sede de conhecimento na relação entre mundo e humanidade, passando do misticismo até as grandes invenções saídas da mente questionadora de grandes cientistas.

E cheia desses questionamentos, a Comissão de Frente também tem uma grande responsabilidade de começar a contar a história cheia a Tom Maior propôs para esse Carnaval 2019. "Com certeza. Será maravilhoso assistir e o público tentar descobrir o que nossa Comissão de Frente representará. Não posso dar muitos detalhes, senão perde a graça. Mas garanto que serão apresentados lindos figurinos e a hist[oria coloridos de muito bom gosto", finalizou Robson.

Bottom Ad [Post Page]