O samba-enredo da Tom Maior foi analisado pelo 'Amantes do carnaval de São Paulo' nesse 5 de setembro! O apresentador da transmissão ao vivo Tiago Bombonatti teceu comentários sobre a obra escolhida pela Tom Maior para ser o samba do seu Carnaval 2020.





A Tom Maior apresentou seu Carnaval 2020 na noite de 19 de agosto de 2019. A obra escolhida é assinada pelos compositores Gui Cruz, Rafael Falanga, Vitor Gabriel, Portuga, Imperial, Elias Aracatio, Luciano Rosa, Reinaldo Marques, Marçal e Willian Tadeu.

Foram 21 obras apresentadas para a escola antes da escolha. “Qualquer um dos sambas finalistas que escolhêssemos teria perfeita condições de nos representar neste Carnaval. Prevaleceu a preferência da maioria dos departamentos”, explica a presidente Luciana Silva.

A dirigente enalteceu a participação dos compositores no concurso deste ano, que teve 21 sambas inscritos na disputa. “Com certeza nossa comunidade está muito feliz com a decisão e ciente de que temos uma grande obra para 2020”. No próximo ano, a escola vai defender o enredo "É Coisa de Preto”.

É coisa de preto
Em 2020 a Tom Maior apresentará o enredo: “É coisa de Preto”, quando será a segunda escola a desfilar na sexta-feira, dia 21 de fevereiro, no Sambódromo do Anhembi, pelo Grupo Especial paulistano.

"É Coisa de Preto" é um enredo afirmativo, que mostra que a contribuição de negros e negras para a formação de nossa nação vai muito além do estereótipo. Nosso desfile mostrará como os africanos se tornaram afro-brasileiros e trouxeram sua contribuição não só física, mas (principalmente) intelectual no desenvolvimento de nossa sociedade. Líderes, estudiosos, escritores, poetas, artistas populares e eruditos, transgressores sociais... Personagens que o preconceito insiste em ofuscar de nossa história, mas que devem ser trazidos aos holofotes para o devido reconhecimento, e também para inspirar as novas gerações.





A partir da subversão de uma expressão racista, mostramos que "Coisa de preto", "serviço de preto", "arte de preto" na verdade são alguns dos pilares essenciais de nossa sociedade, escancarando que ignorante é quem desconhece a verdadeira importância de negros e negras em nossa história.

Comente

Postagem Anterior Próxima Postagem